NOTA OFICIAL


Hoje (24), somos levados a manifestar de forma vigorosa nossa indignação, aos que pelos seus atos ou por omissão causam desgaste a imagem do Partido e criam constrangimentos aos que fazem a boa política dentro da sigla.
 
Todos conhecem a nossa posição contra desvios de conduta, imoralidade e a falta de ética na política. Em nome desta história nos tornamos, no Rio Grande do Sul, um Partido grande, sério e respeitado e por isso vamos continuar agindo com a mesma coerência, inclusive quando envolvem nomes do nosso Partido em nível nacional. 
 
Renovamos nossos compromissos de unidade e ao programa do Progressistas e que continuaremos a lutar para preservar sua imagem positiva, que não pode ser confundida com ações negativas de alguns líderes.
 
O PP Gaúcho jamais será guardião de possíveis malfeitos ou desvios éticos. Reafirmamos o nosso apoio à justiça, às investigações pela Polícia Federal e ao trabalho das instituições na Operação Lava Jato.
 
Assim, o PP/RS lamenta as acusações de corrupção de alguns membros da sigla e enfrentar a corrupção não é apenas um princípio partidário é um dever cívico. 
 
Finalizamos citando as palavras da nossa líder senadora Ana Amélia: 
 
    ” A régua moral do partido é a mesma para adversários e para correligionários".
 
 
 
   Celso Bernardi – Presidente do Progressistas/RS